Seja bem vindo ao Blog da Saúde LGBT

Neste espaço o Dr. Paulo Branco ira continuamente publicar matérias além de responder duvidas
relacionadas a Medicina e Qualidade de Vida voltadas a população LGBT. Este espaço no entanto,
não substitui a consulta médica, que deverá ser feita pelo médico, no consultório, de corpo presente.



Alguns amigos e pacientes do Dr. Paulo Branco que inspiraram ele a fazer esse Blog.

Youtube - Dr. Paulo Branco

Youtube - Série especial de vídeos

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Verrugas de hpv, diagnóstico e tratamento para os gays.

Verrugas de hpv, diagnóstico e tratamento para os gays.
Proctologista: Dr Paulo Branco.
- WhatsApp: 11-99520-4135.
- YouTube: 70 vídeos.
Canal: www.proctologista.tv
- Agendamento: 
Monica: 11-98666-3281.

Hpv:
É um vírus que causa infecção somente na espécie humana.
- Tipos:
Existem mas de 200 tipos de vírus de HPV que só infectam a espécie humana.
- Transmissão:
- Ocorre pelo contato da pele com pele ou mucosas, não pelo sangue, como a hepatite e o HIV.
- Estima-se que o contagio do Hpv genital ocorra em até 70-80% dos contatos sexuais desprotegidos, isto é sem camisinha.

- Sintomas:
A maioria das infeccoes sao assintomaticas ou inaparentes e de carater transitorio.  
- Formas de apresentação sao:
- Subclinicas ou assintomáticas: sem lesão aparente, as verrugas, que devem responder por até 70% das infecções pelo hpv.
- Clinicas: Verrugas na pele perianal e retal, ,manchas avermelhadas ou esbranquiçadas, coceira, Eliminação de muco/secreção pelo anus.

Foto Abaixo: Caso clínico:
Verrugas na pele perianal e mucosa retal, paciente referia coceira intensa com perda de secreção, e irritação da pele.
Tratamento: Realizei a retirada das verrugas com laser, sob anestesia local.


Foto abaixo: Condiloma acuminado, várias verrugas na pele perianal, sendo o principal sintoma da infecção pelo vírus hpv, consequente a relação passiva ( anal) desprotegida, isto é sem preservativo.
Tratamento: Retirei as verrugas com laser, sob anestesia local.


- Penetração  no organismo:
Incubação: de 3 semanas até 20 meses.
Após exposição e transmissão, a infecção inicial é latente ou assintomática, e os vírus se multiplicam na camada basal ou profunda da pele por um período de que poderá ir de 3 semanas até 20 meses, e o que ocorrerá:
1- Mais de  90% dos vírus, que ficam na camada basal ou profunda da pele, sao destruídos pelos anticorpos CD4, ou linfócitos T ativados.
Foto abaixo: Anticorpos CD4 atacando o vírus: 90% dos vírus seram destruídos. 


 2- 10% desenvolveram:
-verrugas
Tumores: 
-benignos e Malignos:
-Pênis: Câncer.
75% dos casos de cancer do penis sao hpv positivos.

Verruga no pênis, conhecida como crista de galo: 


Anus:
10/ 20% de Ca incitos foram encontrados
- Freqüência:
A transmissão e mas freqüente na relação entre homens, principalmente na relação passiva.

Comentário: Dr Paulo Branco.
Relação sexual entre homens, ( foto abaixo) e a causa mais frequente de contaminação pelo Hpv. Na relação passiva, o atrito sem uma lubrificação e relaxamento adequados, como ocorre entre gays, no chamado sexo forte consentido, determinara atrito e ferimentos passíveis de transmissão tanto de DSTs de pele como as verrugas de hpv, quanto às DSTs transmitidas pelo contato com o sangue, como HIV e Hepatite.



Sauna ( abaixo): muito frequentado pelos gays, mas realize suas fantasias com segurança, com preservativo, sem promiscuidade, e brinquedos eróticos com preservativo e limpos.


Fig. Abaixo: Sexo forte consentido entre gays. ( abaixo), é frequente e Poderá ser usado sem preservativo e com uma lubrificação inadequada.


Comentário: Dr Paulo Branco.
Estudos relataram que 93% das infeções pelo hpv foram confirmadas em pacientes homossexuais HIV +, contra 50% nos HIV-. Os microtraumatismos neste tipo de relação, favorecem a infecção pelo vírus hpv.

- Exames:
Papanicolau: Citologia.
Biologia molecular: tipo de vírus.
Microscópio: Anuscopia de alta resolução.

- Tratamentos: Fase latente ou assintomática:
- Não demanda tratamento, porque as infecções latentes não são Infecciosas, apesar de ser um reservatório de vírus Hpv anogenital.

Vacina: 
- Vantagem: Aumenta o número de anticorpos, diminui o número de vírus, e protege o paciente da infecção por novos tipos do vírus. A - - Desvantagem: Não protege e nem trata as verrugas.

Vacina: Diminui a carga viral.


 Laser: Eu retiro as verrugas com o laser. 
Pomadas: Indicadas para as verrugas fora do anus, só indico como imunomodulador, após determinação da carga viral, feita pela análise microscópica da pele perineal e perianal.

Imunomoduladores: cremes.
São medicamentos de manipulação, que eu indico após análise microscópica da pele perianal, conclui a presença de uma carga viral alta. Aplicados sobre a pele local, irá estimular a produção de citocinas, como o interferon, que aumentam a produção de linfócitos T, TCD4/TCD8 e células Natural Killer e permitindo a migração dos linfócitos ao local infectado, que atuaram destruindo as células que contém o vírus hpv.
Posologia:
Protocolo: Dr Paulo Branco.
Eu primeiro retiro as verrugas de hpv da pele perianal e reto com o laser, e após a cicatrizacao eu indico o imunossupressor na forma de crema.
Comentário importante: Dr Paulo Branco.
Os imunossupressores não estão indicados para tratamento do HPV retal.

Foto: Verruga na pele perianal.


Atenção: Ver na figura abaixo, a análise microscópica da carga viral, detectado por corante especial.


Foto abaixo: Eu não indico por não trata as verrugas dentro do reto. 
Medicamentos: receito por via oral para melhorar a resposta imunológica dos anticorpos contra os vírus.


Foto acima:
Verrugas dentro do reto, as pomadas não tratam: Tenho feito com laser. 




Vídeo educativo que mostra o tratamento das verrugas dentro do reto com laser:
Dr Paulo Branco.
Youtube: 70vídeos.
Canal: www.proctologista.tv


- Acompanhamento:
Na minha clinica e feito pela analise endoscopica e microscópica da região anorretal, e genitais. 

Microscópio para a anuscopia de alta resolução:

Análise microscópica para determinação da carga viral na camada profunda da pele perianal, feita com auxílio de corante especial.
Proctologista: Dr Paulo Branco
Clinica: 11-98666-3281.

Recomendações ao paciente:
- Eu sempre Informo ao meu paciente que a doença  e crônica, exigindo um controle e retorno na clinica, para exame clínico, microscópio e endoscópico.

Acima: A recidiva com pomadas e alta.


- Recomenda-se a avaliação e tratamento se necessário do parceiro sexual, o uso de preservativos e mandatório enquanto persistirem lesões clínicas  e apoio psicológico poderá ser necessário para orientar o diálogo com os parceiros e a compreensão correta do problema.

Parceiro: Muitas vezes é difícil a condução da consulta, já tive dificuldades, o diálogo terá de ser claro, sobre DST, e a necessidade de investigar o parceiro.

- Medidas: para de fumar, diminuir o estresse, manter uma alimentação equilibrada e sono adequado.

1- Sem preservativo: nunca.




Resultado do sexo sem proteção: 
Verrugas de hpv, dentro do reto e na pele perianal.


2- Pratique esporte: Melhora o seu sistema imunológico.
Foto: Dr Paulo Branco jogando Futevolei.


Alimentação funcional ou saudável.




Dedos: somente limpos, principalmente de secreções, que representa uma forma de transmissão de DST.


Sexo: somente com preservativos.


Aposte no amor:


Promiscuidade: Evite.


Brinquedos eróticos: A preferência será o seu de estimação, evite compartilhamentos.